FANDOM


Tudo bem então, Benimaru. Você sabe que a partir de hoje você pode até se tornar um lorde demônio?

–Rimuru, Capítulo 162

Os Doze Patronos de Rimuru [聖魔(リムル)十二守護王, Seima(Rimuru) Juuni Shugo Ou, literalmente significa "Os Doze Reis da Guarda de Rimuru"] são os 12 principais executivos de Rimuru Tempest. Eles são os subordinados que foram despertados como Lordes Demônios Verdadeiros e foram concedidos um título de um "Lorde".

Entre eles, 7 foram despertados após a defesa com sucesso contra o Império do Oriente e os 5 restantes foram despertados antes da Guerra Tenma, depois de Guy ter dado a Rimuru 500,000 almas para evoluir Mizari e Hirari.

Esses executivos são:

CronologiaEditar

Rimuru inicialmente tinha 945,000 almas depois de derrotar o Império do Oriente. Ele usou 10,000 almas para reviver parcialmente 700,000 soldados do Império, 700,000 almas para despertar 7 de seus subordinados, 5,000 almas para nomear Wenti e 20,000 almas para deixar Ramiris nomear os Quatro Reis Dragões (Zephyrus, Boreas, Notos, Euros), deixando-o com 210,000 almas.

Logo quando a cerimônia foi concluída, Guy Crimson, que ficou surpreso com o súbito despertar de vários Lordes Demônios, veio voando e exigiu uma explicação e depois de ter conversado com Rimuru, pediu para ele despertar seus dois subordinados, Mizari e Hirari também. Aceitando, Rimuru pediu a Guy para 500,000 almas com o conselho do Raphael ousado e vigarista.

Embora a habilidade do Rei Glutão Beelzebuth exigisse cerca de 100,000 almas para desenvolver um ser capaz como um Lorde Demônio Verdadeiro que não possuísse a Semente do Lorde Demônio (então ele realmente só precisava pedir 200,000), Raphael aproveitou a oportunidade e pediu mais, já que Guy não sabia dos requisitos reais da alma. Isso levou em conta todos os subordinados restantes de Rimuru que eram capazes de evoluir.

Quando Mizari e Hirari chegaram, em vez de usar 100,000 diretamente em cada um deles, Rimuru infundiu-lhes almas até que eles começaram a evolução. Isso fez com que ele usasse apenas 180,000 almas no total (ele só precisava fornecer 90,000 cada porque Guy uma vez tentou evoluir os dois usando 10,000 almas também, mas falhou), e deixando-o com 530,000 almas em estoque.

Mais tarde, antes do início da Guerra Tenma, Rimuru gastou 500,000 almas e evoluiu seus restantes "Lordes".

BenimaruEditar

Após a guerra contra o Império do Oriente, Benimaru foi naturalmente selecionado para ser a primeira pessoa a receber recompensas do pós-guerra. Embora ele estivesse surpreso que sua recompensa era estar sendo despertado como um Lorde Demônio Verdadeiro, ele desistiu e se preparou para seus novos poderes.

Rimuru deu-lhe o título de "Lorde das Chamas" e transferiu 100,000 almas para o seu ser através do corredor da alma para iniciar a evolução. No entanto, nada aconteceu.

Parecia que havia outro requisito. Uma vez que o conceito de expectativa de vida se torna sem sentido quando se desperta como um Lorde Demônio Verdadeiro, não há mais necessidade de reprodução. Como o líder da tribo Ogro, que estava à beira da extinção, a menos que Benimaru tivesse parentesco, sua evolução não começaria.

É melhor você ser resoluto, Benimaru.

Momiji, venha para frente! Eu por este meio reconheço a ligação de almas entre você e Benimaru!

–Rimuru, Capítulo 162

E assim Benimaru e Momiji estavam noivos. Mais tarde, após a cerimônia, seu casamento oficial aconteceu.

Antes da Guerra Tenma', quando 'tudo foi feito', ele automaticamente despertou como um Lorde Demônio Verdadeiro, e evoluiu de um Fair Oni para um Oni do Espírito das Chamas (Mergulho de Monstro no nível superior). Assim, continuando seu cargo como um dos três mais fortes subordinados de Rimuru.

Ranga Editar

Gabiru Editar

Geld Editar

Shion Editar

Diablo Editar

Kumara Editar

Zegion Editar

Adalman Editar

Testarossa Editar

Ultima Editar

Carrera Editar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.